CONHECENDO AS TRÍADES PARTE II

acorde diminuto

Aprender isso:  Me tornou um tecladista profissional bem mais rápido...

APRENDENDO A FORMAR ACORDES TRÍADES

Na primeira parte aprendemos a montar um acorde de forma fácil, vamos dar continuidade ao nosso estudo.
Nessa postagem iremos falar sobre acordes aumentados e diminutos.

ACORDES AUMENTADOS

Acorde aumentado

 

Nos acordes aumentados os intervalos entre os graus que dá origem ao acorde parecem muito com os acordes maiores. Vejamos no exemplo a seguir:
*Entre o primeiro e terceiro grau, temos uma distância de dois tons formando uma terça maior. Entre o terceiro e o quinto grau, temos dois tons é aqui que o acorde aumentado se diferencia do acorde maior.
Por que entre o terceiro e quinto grau no acorde maior temos um intervalo de um tom e meio.
Agora analisando o intervalo do primeiro grau até o quinto encontramos um intervalo de quinta aumentada que dá nome ao acorde.
Do I Grau ―› para III Grau―› Temos dois tons
Do III Grau―› para o V
Grau―› Temos dois tons
O acorde aumentado é representado pela cifra Caum, existem outras formas de representá-la, confira em CIFRAS DE ACORDES AUMENTADOS.
O acorde formado fica desta maneira:
Caum – Nota
Dó- I Grau/  Mi- III grau e Sol#- V Grau.

ACORDES DE
DIMINUTO

acorde diminuto

INSCREVA-SE NO CANAL | Para ver vídeos aulas que eu não não posto aqui no site, é só se inscrever e ativar o sininho lá no canal do youtube.

 

Os acordes diminuta já adotam um esquema diferente, ele segue uma linha de dois intervalos de terças menores colocadas em sequencia. Ele possui entre o primeiro e terceiro grau, um intervalo de terça menor ou seja um tom e meio.
Lembrando que para entendermos os intervalos temos que conhecer as escalas diatônica e a cromática. Agora entre o terceiro e o quinto grau também encontramos um intervalo de terça menor ( ou um tom e meio se preferir).
 Analisando o acorde do primeiro ao quinto grau encontramos um intervalo de quinta diminuta que dá nome ao acorde, ficando da seguinte maneira:
Dó- que é fundamental
Mi- III Grau menor
Solb- V Grau menor- Quando contamos à partir do terceiro grau e quinta diminuta quando contamos à partir do primeiro grau.
A cifragem dos acordes diminutos estão bem explicados em CIFRAS E ACORDES DE DIMINUTO, confira!
Esperamos que seja de fácil entendimento o conteúdo escrito nessa matéria. Bom estudo e até a próxima!




aprendendo teoria musical

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.