Escala Pentatônica Maior Aprenda de forma Simples

Escala pentatônica

Aprender isso:  Me tornou um tecladista profissional bem mais rápido...

Hoje iremos falar sobre uma escala que ajudará muito na hora da improvisação.

Como já falamos sobe as escalas básicas que são: Maiores, Menores Harmônicas, Harmônicas Melódicas e Natural.
Vamos avançar um pouco mais falando sobre a escala penta tônica maior, mas lembrando se você ainda não sabe ou não tem segurança nas escalas básicas.
Recomendo que primeiramente aprenda as escalas básicas, para assim poder avançar um pouco mais em seus estudos.
Mesmo que a escala pentatônica seja mais fácil de executar por ter somente cinco notas e a sexta nota ser repetição da tônica.

 Improvisando com escala penta tônica.

Antes de começar o nosso estudo, quero dizer que ainda existem duas escalas Pentatônicas: A Pentatônica Menor e a Pentatônica Alterada, que não iremos nos aprofundar nesse momento.

Neste artigo só falaremos sobre a Pentatônica Maior. Uma dica importante! Não confunda a escala de Blues com a escala pentatônica, elas podem ser semelhantes  porém não são iguais.

A escala de Blues só é semelhante a pentatônica menor, pois ela possui cinco notas e a de blues seis notas, essas escalas são ótimas para serem acrescentadas em diversos estilos musicais como:

Rock, pop, blues, jazz entre outros, por isso merece bastante atenção para que possamos absorvê-las de forma correta. Tirando ao máximo dela e aproveitando o seu melhor.

–>  As quatros escalas básicas  <–

ESTUDANDO A ESCALA PENTATÔNICA MAIOR

Primeiro vamos entender a formação da escala pentatônica maior. A escala pentatônica maior é formada por três tons e dois intervalos de terça maior.
Agora vamos encontrar esses intervalos dentro da escala no tom de dó maior, lembrando que você pode transpor para todos os tons.
Se você não sabe transpor uma escala para um outro tom, eu criei alguns artigos que irá ajudar e muito nesse estudo.
Dando continuidade ao nosso estudo temos na escala pentatônica maior no tom de dó maior a seguinte formação:

Escala pentatônica

Entre a nota Dó e Ré, um tom
Entre Ré e Mí, um tom
Entre Mí e Sol, uma terça menor
Entre Sol e Lá, um tom
Entre Lá e Dó, uma terça menor
Formando assim uma escala pentatônica maior.

INVERSÕES DA ESCALA PENTATÔNICA MAIOR

Essas escalas possuem cinco inversões, uma em cada nota da escala, como veremos logo abaixo:

Escala pentatônica e suas inversões

Aprender isso:  Me tornou um tecladista profissional bem mais rápido...

EM QUE ACORDE USAR?
 
 
Podemos usar a escala pentatônica maior, com diversos tipos de acordes que são eles: M6/9, M7, add9,7,7(9).
Do tom encontrado quarta justa a cima: M6/9, M7, (add)9.
Do tom encontrado um tom abaixo: M7(9/#11).
Do tom encontrado quinta justa acima: 7(9/11/13), Sus4.
Do tom encontrado segunda maior acima: m7(9/11).
Do tom encontrado sexta maior acima: m7(9/11).

CONCLUSÃO

Agora que já sabemos como formar a escala pentatônica maior, que já sabemos todas as suas inversões,e com que acorde podemos usá-la, precisamos do essencial que é a prática do que foi apresentado até aqui.
Você pode treinar me qualquer instrumento  melódico ou harmônico, espero que este artigo tenha sido de fácil compreensão e de grande ajuda para o seu desenvolvimento musical.
Tendo dúvidas sobre algum ponto deste artigo deixe seu comentário e ajude o ensino musical a crescer.
Compartilhe, suga, curta, retwita ou faça conforme a sua vontade,
Abraços!

aprendendo teoria musical

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.