O QUE SÃO MODOS GREGOS

Modos gregos

TENHA ACESSO:  Ao que todo tecladista profissional sabe e você não...

 

 

CONHECENDO  OS MODOS GREGOS

 

Na Grécia antiga foi construindo um sisModos gregostema musical de escala chamada ” modos” do Latim (modus, tonus), que se resume em uma série de notas em sequência, algumas são usadas até os dias de hoje. Os modos eram relacionados as notas dos teclado que só tinham teclas brancas.

Siga-nos no twitter- @musicalleizer

Curta a nossa pagina fã facebook

 

 

Nos dias de hoje, com os teclados modernos é possível executar qualquer um dos modos, começando em qualquer nota em todos os tons.  Esse é um resumo básico da história dos modos, querendo saber mais leia:  História do piano

RELAÇÃO DOS MODOS DA ESCALA MAIOR

 

Veja que a escala maior gera sete modos ou  escalas. Darei um exemplo nos modos  no tom de Dó  maior.

 

GRAU

l                DE DÓ A DÓ TEMOS O MODO JÔNICO OU MAIOR
ll               DE RÉ A RÉ  TEMOS O MODO DÓRICO
lll              DE MÍ A MÍ TEMOS O MODO FRÍGIO
lV             DE FÁ A FÁ TEMOS O MODO LÍDIO
V              DE SOL A SOL TEMOS O MODO MIXIOLÍDIO OU DOMINANTE
Vl             DE LÁ A LÁ TEMOS O MODO EÓLIO OU MENOS NATURAL
Vll            DE SÍ A SÍ TEMOS O MODO LÓCRIO OU MENOR DIMINUTA

COMO USAMOS OS MODOS GREGOS?

Agora iremos falar onde são aplicados os modos gregos, preste bastante atenção para não se confundir, ok?

ESCALA JÔNICA OU JÔNICO

É utilizado para improvisar  nos acordes maiores que não possuem alterações como ( b5, #5, #9, etc.), usamos nos seguintes acordes:
( M, M7, M7(9), M6, M9/6, M7(6), M7(6/9),(add9)). O considerdo mais agradável de se ouvir, junto com o dórico e o mixódio, formando assim a base para a música popular.

ESCALA DÓRICA

É utilizada na categoria dos acordes menores que não possuem alterações(b5,#5, #9, etc.). Usamos nos seguintes acordes:
(m, m6, m6/9,m7, m7(9), m7(9 11), m7(9,11,13), m(add9 ), pode ser executado no Blues, intercambiado-a  com a própria escalas de blues.

ESCALA FRÍGIA

É utilizada nos acordes menores que exercem função de lll m ou escala maior e no acorde frígio, ( m7, sus(b9), ou frígio).

ESCALA LÍDIO

É utilizaa na categoria dos acordes maiores sobretudo quando possui 11 ou 4 aumentado. São usados os seguintes acordes:
M7( #11), M7 ( #9), M7, M7 (9), M7(9,11), M6, M6/9, add9). O lV grau é aumentado, eliminando a diasonância da 4º justa da escala diatônica.

ESCALA MIXOLÍDIA OU MIXOLÍDIO

É utilizado  na categoria dos acordes dominantes que não possuem alterações(b5, #5, b9, #9 ou #11) e nos acordes dominantes com 4 suspenso ou (11). Usamos nos seguintes acordes.
7,7 (9), 7 (9/13), 7 (13), SUS 4, 7(4) 7(4/9), 7 (9/11), 7 (9/11/13). Pode ser executado na escala dórica, tonalidade, encontro da 5º justa acima da cifra em questão.

ESCALA EÓLIO OU EÓLIA

É utilizada nos acordes menores que não possuem alteração na 6º menor e que tem função de VIm, usamos com seguintes acordes:
(m, m7, m7(9), m (b6)). É própria escala diatônica natural.

ESCALA LÓCRIA OU LÓCRIO

É utilizada nos acordes menores 7º ou a 5º diminuta, também chamda de meia diminuta.
(m7(b5), 0/, m7(b5/b11), m7( b5/b13)). Pode ser denominada escla meia diminuta.

CONCLUSÃO

Estudando os modos gregos você terá uma visão mas ampla sobre as escalas. Sabendo usá-las você poderá usar isso ao seu favor e explorar novas e diversas sonoridades incríveis.

BOM ESTUDO!




aprendendo teoria musical

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.