Encadeamento de acordes para estudo

encadeamento de acordes

Encadeamento de acordes para estudo

Olá a todos, nesta aula irei passar alguns esquemas de encadeamento para ajudar nos estudos diários.

Com certeza ao tocar algum esquema destes, terão a sensação de já tê-las ouvido em algumas músicas.

Se você não sabe o que encadeamento eu irei explicar.

ENCADEAR

Quem é músico sabe o que significa, para os iniciantes isso vai parecer um pouco complicado para entender.

Encadeamento de acordes são as mudanças que os acordes sofrem dentro da harmonia da música.

Não existe um modelo padrão, por que as mudanças são feitas de acordo com o compositor ou arranjador da música.

 

VÁRIOS ENCADEAMENTO DE ACORDES PARA ESTUDO

encadeamento de acordes

 

Procure estudar em todos os tons para o seu treinamento auditivo.




jairoleizer administrator

5 Comments

Joao Ataidedezembro 16, 2014 at 6:27 pm

Afinal, qual é a expressão correta: encadeamento harmônico ou progressão harmônica? ou não existe diferença nenhuma?
​​
​​
​​

​​
​​
​​

Reply  

    jairoleizerdezembro 19, 2014 at 7:55 pm

    A mais usada é progressão harmônica, e encadeamento de acordes.

    Reply  

    Alexandre Silvajunho 29, 2016 at 8:26 am

    Bom dia!
    Cada uma é uma coisa diferente porém se complementam.

    1 – Progressão Harmônica é literalmente a progressão que você executa em uma determinada música, ou seja, a sequência de acordes de uma musica. Nesse caso essa sequencia é baseada nas funções harmonicas de cada acorde.
    Exemplo:
    C Am F G

    C -> Tônica ou fundamental da sequencia harmônica.
    AM -> Relativo de C (para achar um relativo basta descer um tom e meio e sempre menor)
    F -> Sub-dominante ela tende a te mandar para a Dominante ou para a tônica, fica no meio.
    G -> Dominante, é o 5º dentro da escala ela inevitavelmente vai sempre te mandar para a tônica, principalmente quando acompanhada de uma 7ª menor.

    2 – Encadeamento de acordes é a maneira como você liga esses acordes dentro de uma progressão, para que o som seja mais bonito. Nesse caso pode ser através de inversões de acordes ou até mesmo técnicas de notas de passagem. Exemplo:

    C Am F G

    No acorde de C você tem as notas C E G
    No acorde de Am você tem as notas A C E
    Seguindo esse exemplo, uma inversão que fica bem justa, é utilizar o C com baixo em G assim ficaria: G C E e depois para mudar para o Am, bastaria subir o seu baixo para o A. Isso tira a percepção de salto de acordes.

    Agora seguindo o conceito de notas de passagem, um dos exemplos mais clássicos é o 2-5-1. Para utiliza-lo é muito simples, você escolhe o acorde alvo, ou seja, onde vou repousar e faz a sequencia. Exemplo na progressão harmonica acima. C Am F G.
    Vou pegar a minha tônica como alvo, no caso o C, então ficaria assim.
    2 5 1
    C Am F Dm G C

    Para entender melhor segue abaixo a escala de acordes do C.

    1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
    C Dm Em F G Am B° C Dm Em F G

    Espero ter ajudado, e peço que se encontrarem alguma coisa errada por favor me avisem, pois aprendi dessa maneira, até agora não tive problemas. 🙂

    Reply  

      jairoleizerjunho 29, 2016 at 4:13 pm

      MUITO BOA SUA EXPLICAÇÃO ALEXANDRE, OBRIGADO PELO SEU COMENTÁRIO.

      Reply  

Arnaldojulho 8, 2016 at 3:06 pm

Sou apaixonado pele música gosto Muito de aprender e entender como as suas partes tem as suas funções : harmonia, melodia e ritmos Andam de forma tão bela num encadeamento musical

Reply  

Leave a Reply